Sarau do CECAP – 11 anos

Sarau do CECAP

A gente marca as 19h00, mas desde as 18h30 já vai chegando os violeiros, os sanfoneiros, os sambistas, os seresteiros e os poetas.

As pessoas vão se acomodando enquanto a viola toca músicas de raiz. A Dona Maria Ignez Zamunerno comando e atenta a tudo e a todos com seu caderninho vai agendando a ordem das apresentações.

As pessoas vão chegando, gente simples e sofisticada compartilhando o mesmo espaço sem frescura. É a hora do Sarau.

Muitas músicas saudosistas alegres e tristes estampam nas faces das pessoas emoções e reflexões. Vez ou outra observamos lagrimas rolarem por alguma lembrança trazida por conta da música, da história ou da poesia.

Muitos já se apresentaram e riram das histórias e piadas dentro do pequeno espaço aconchegado do CECAP, e é um tal de entra e sai a noite toda do Sarau.

Vem chegando ao fim é hora de cantar “Sozinho” e “ Nossa Senhora” quer seja com o violão ou acordeom acompanhado do coro dos participantes.

Vem descendo a mesa repleta de doces e salgados que os próprios convidados trouxeram para compartilhar e finalmente todos se levantam e pelos cantos do CECAP vão acontecendo alguns acordes e conversas que aos poucos se encerram. Acabou o Sarau do mês.

Este é um resumo do resumo do que acontece dentro do Sarau do CECAP, onde já fomos surpreendidos com peças de teatro, músicas eruditas, conjunto de rock, pintores, escritores e tantas outras manifestações as quais não temos qualquer controle.

Nesta sexta feira, dia 29 de março, teremos mais um Sarau que tem 11 anos e que por lá passaram muitas pessoas com talentos. 

Convidamos a todos os amigos a experimentar esta aventura cultural.
Horário as 19h00
LOCAL; CECAP – Centro Cultural Antonio do Pinhal
Rua Boa Vista, 108, centro, Mogi das Cruzes, São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *